Home » » SANDRA GULOSINHA E SAFADINHA DO PAPAI

SANDRA GULOSINHA E SAFADINHA DO PAPAI


SANDRA   GULOSINHA  E   SAFADINHA  DO PAPAI






com pernas bem torneadas, bundinha em forma de coração, seios médios, olhos grandes e penetrantes e uma boca carnuda deliciosa
Quando a conheci fiquei alucinado pela beleza, sensualidade e disposição para aventuras sexuais e nossa sintonia foi perfeita.
Em uma dessas aventuras, estávamos tomando umas na Happy hour de Sexta feira e o calor em Brasília estava impossível.ELA  estava produzida como adoro... com uma Mini saia jeans, sandália salto alto e um Top de leve transparência, toda bronzeada do sol ,
desta forma ,, sempre ganha os olhares de desejo dos homens e os olhares de inveja das esposas... enquanto meu olhar de corno é só para ela...
Sexta quente, chopp gelado, bate papo bom, olhares sensuais pra mesa ao lado, e um coroa sentado sozinho que não tirava os olhos das pernas ;
aponto dela dizer no meu ouvido: -
_Amor o coroa ali tá tarado em mim...; não perdi tempo e sugeri que ela girasse sua cadeira então na direção do tarado e lhe presenteá-se com a mais bela cruzada de pernas... lenta, deliciosa e sensual... de pronto foi aceita e pude ver o modo desconcertado que o cidadão ficou ao ver tal imagem e minha safadinha e eu rimos muito.
Saindo do barzinho propus uma ida a um cineminha erótico, ela me olhando fundo nos olhos disse:- Não fale...faça!
E la fomos nós, chegando nos sentamos em uma fileira do meio e começamos um amasso, logo atrás um rapaz já se punhetava e ficou excitadíssimo com a chegada da minha putinha; fiz questão de pedir pra que ela notasse o barulho da punheta do amigo ao lado, ela disse: -nossa que barulhinho bom... o pinto tambem deve ser e riu mais uma vez, dando uma sacada no sujeito da fila de traz.
Coloquei-a debruçada sobre mim e retirei minha rola, ela de pronto disse:
Eu vim aqui foi pra isso... e sem pensar, começou a pagar um maravilhoso boquete... subindo e descendo sua boca maravilhosa no meu pau que latejava.
Para nossa surpresa e de leite, meio que por mágica, surgiu uma platéia particular de uns caras que em silêncio ficaram ao redor de nós, enquanto ela me chupava, e todos punhetando pra ela.
Perguntei se ela estava gostando? a resposta veio com um aceno de cabeça e uma mordiscada na cabeça do pau   que chupou  com mais força
Quando um cara  mais afoito sentou-se ao meu lado, fazendo elogios a minha esposa e pediu se poderia apertar os peitinhos dela; neste momento senti a boca dela tremer no meu pau (sinal de excitação), permiti e o cavalheiro pôs-se a apertar suavemente os peitinhos da minha gostosa, enquanto ela se dedicava a a mamar  em mim
gozei porra  na boca dela enchi sua boquinha  ela  lambia o resto  que escorria  do meu pau
um  safado  se ajoelho e  lambeu minha porra com ela  /
tudo tão gostoso ///

 MANDE SEU  CONTO TAMBEM   PARA :

   doutoram doutora do prazer
 
Support : Copyright © 2015. gentle forest - All Rights Reserved