Home » » QUERO GRITAR SE ESTOU TRISTE

QUERO GRITAR SE ESTOU TRISTE


QUERO GRITAR  SE ESTOU TRISTE


Como não podemos nos manter totalmente isentos de estarmos tristes e como faz parte da natureza tropeçarmos na tristeza, devemos ao menos ter cuidado em reduzir o tempo em que ela dura em nós."

Eu tenho no peito uma agitação que não me deixa desistir!
Não consegui encontrar outra expressão mais fiel ao que sinto!
No terreno sem flores eu posso pintar as que eu quiser, da cor que imaginar, enquanto canto alto o brado valente daquela que persegue os sonhos - verto as dificuldades que encontro, mas invento maneiras novas de viver. Me refaço a cada breve interrupção, respiro fundo e retomo a caminhada.
Quando o sol abre meu dia, como hoje, tudo flui muito melhor, mas também há chuvas e trovoadas no céu da minha vida, e são o cinza e o frio desses indesejáveis dias que desfocam os passos em direção ao traçado feito pra mim...me impedem de ver o caminho!
Temporariamente, uma trégua proponho ao ego que persiste na tarefa de controlar-me, e o equilibro energético que restabelece minha relação com meu mundo particular, espana essa névoa traiçoeira e me põe a caminho, mais uma vez. E num crescente recomeçar, venço novas etapas, redesenho o caminhar,
me recosto à sombra enquanto me delicio com a paisagem inédita.
Não é da responsabilidade de ninguém os obstáculos ou as belezas que encontro pelo caminho, sou eu quem escolho por onde ir, e se há equívoco, ele acontece nessa hora, não na direção tomada -
 esta é mera conseqüência.
Estes recomeços são as lições aprendidas, as novas tentativas, a esperança que me impulsiona, frutos de um leve cansaço que não me derrota!DOUTORAM /DOUTORA DO PRAZER







 
Support : Copyright © 2015. gentle forest - All Rights Reserved